Quebra o tabu

O ano era 1968. Havia 11 anos que o Corinthians não vencia o Santos, o sensacional time de Pelé. O tabu era motivo de chacota entre os torcedores. Então veio o jogo. Com alguns reforços de peso, entre eles Paulo Borges, autor do golaço que abriu o placar.

Enfim, a quebra da escita foi tão importante que mereceu até música de Tião Carrero e Pardinho, uma das maiores duplas da música raiz:

A reportagem do jogo, em um dos sempres fantásticos vídeos do Canal 100, pode ser vista aqui. Atenção para o vocabulário do narrador, bem diferente dessa papagaiada que vemos atualmente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s